A Arte da Omissao

SAÚDE – Plásticos – Tome decisões

Sabe o que é ftalato?

Os ftalatos são agentes plastificantes em plásticos derivados de PVC, garantindo-os mais moles e flexíveis.

Os plastificantes baseados em ftalatos são usados em situações onde é exigida boa resistência à água e a azeites. Alguns plastificantes ftálicos são:

(DEHP), usados em materiais de construção, embalagens para alimentos, brinquedos, instrumental médico e filme plástico

 (DINP)  encontram-se em jardins, sapatos, brinquedos e materiais de construção

(DnBP, DBP), usados nos plásticos de celulose, filme para uso em alimentos, adesivos, perfumes, cosméticos como esmaltes de unhas, champô, protector solar…

(BBzP), encontra-se nos pisos de vinil, cones de tráfego, cintas transportadoras, couro artificial

(DIDP), usado para revestimento de cabos, pára-lamas de veículos, sapatos

(DOP o DnOP), é usado em pisos, carpetes, revestimentos de computadores e explosivos potentes. Junto com o DEHP é um dos plastificantes mais comuns, mas suspeita-se que cause câncer.

Di-n-hexilftalato é usado em pisos, ferramentas e peças de veículos

Os níveis de contaminação humana são estimados com base na produção anual de produtos que contenham ftalatos, assim como na monitorização do ambiente, análise de dietas, e análise do modelo matemático do padrão de actividade humana. No entanto estas estimativas são imprecisas e sujeitas a erros.

Na União Europeia o uso de alguns ftalatos foi restringido na produção de brinquedos infantis desde 1999.

DEHP, BBP, e DBP estão restringidos para todos os brinquedos;

DINP, DIDP, e DNOP estão restringidos apenas nos brinquedos que possam ser metidos na boca. Esta restrição define que a quantidade de ftalatos não pode ser superior a 0,1% da quantidade total de matéria plástica do brinquedo. Estes ftalatos são permitidos em qualquer concentração nos restantes produtos e outro tipo de ftalatos não estão restringidos.

Existem muitos perigos associados aos ftalatos

Toxicidade endócrina

Os ftalatos assim como outros químicos, têm demonstrado, em estudos em animais, que alteram a função endócrina por serem capazes de se ligar aos receptores da tiroide e por terem funções tanto como agonistas como de antagonistas. Há uma série de efeitos evidenciados destes químicos na tiróide, que podem assim alterar o desenvolvimento neurológico provocando danos. leia mais AQUI

Toxicidade reprodutora

Os ftalatos são possíveis disruptores endócrinos que têm demonstrado efeitos no sistema reprodutor e no desenvolvimento.

Infertilidade, diminuição da produção de esperma, malformações do trato reprodutor, hipospadias e tumores testiculares, assim como a redução dos níveis de testosterona, da distância anogenital e a retenção do mamilo têm sido descritos em estudos.

Nomeadamente os ftalatos de baixo peso molecular, são descritos como potências tóxicos para o sistema reprodutivo. O DEHP causa degeneração testicular e um aumento da apoptose celular nos testículos, havendo uma degeneração das células da linha germinativa.

Estudos demonstram que o DEHP causa apoptose dos espermatócitos até 6h depois da exposição. Este aumento da taxa de mortalidade  é acompanhada por modificações e desorganizações celulares, como o aparecimento de vacúolos.

A 28 de Outubro de 2008, o DEHP foi acrescentado à lista da União Europeia de Substâncias Altamente Preocupantes, devido a sua toxicidade para o sistema reprodutivo. A nova legislação da UE estabelece que, a partir do ano de 2010, todos os insumos médicos que contenham ftalatos deverão ser rotulados, de maneira que os médicos e enfermeiros possam tomar decisões com base na informação a respeito dos produtos que utilizam.

Estudos de toxicidade em Humanos

Realizou-se um estudo com amostras de sémen, sobre a relação entre as concentrações urinárias dos metabolitos dos ftalatos e as alterações ao nível do DNA. A população foi de 379 homens de uma clínica de infertilidade.

O MEP foi relacionado com o aumento das alterações do DNA, como já previamente havia sido demonstrado.

Outro metabolito usado foi  o MEHP. Os níveis urinários de ftalatos eram idênticos aos da população americana em geral, o que sugere que a exposição a alguns compostos em especial é determinante na causa de danos do DNA.

Outro estudo envolveu 408 homens, entre os 18 e os 55 anos. Foi recolhida uma amostra de urina para pesquisar metabolitos (três do DEHP) e analisaram-se os níveis sanguíneos de T3, T4 e TSH.

Verificou que à medida que a concentração urinária de MEHP aumentava, os níveis de T4 livre e T3 total diminuíam (relação não linear: curva em forma de “U”). Assim, pensa-se que os ftalatos ou seus metabolitos, ao interferirem ao nível de hormonas tiroideias, alterem a função da glândula. Leia mais AQUI.

Fonte: https://sites.google.com/site/toxphthalates/

###############

Aconselho que vejam o documentário “bag it“. Invistam uma hora das vossas vidas, num eventual despertar e em mudanças benéficas para nós mas em especial para a geração em formação neste momento.

Nota: frases / palavras a negrito ou sublinhadas e links desta cor são da minha responsabilidade

Anúncios

7 comments on “SAÚDE – Plásticos – Tome decisões

  1. Carla Oliveira
    17 de Março de 2012

    obrigada pela partilha – excelente documentário

    Gostar

  2. Maria Celeste Ramos
    18 de Março de 2012

    Este blog está a ser usado com artigos muito úteis para todos, já que dá informação rigorosa, como esta da da Delmira, podendo conduzir-nos a rejeitar muitas das “coisas” que andam por aí serem-nos impingidas e a danificar o nosso presente, principalmente a saúde que é o mai precioso que se pode ter, mas também a comprometer a saúde da terra dos animais e das plantas todas, e por fim a saúde dos meninos que andam a nascer sem saber onde, e o que os espera – Preparemos, como pudermos, e apartir da nossa consciência e acção individual, parte do caminho dos que nos sucederão, já que ando bastante convencida de que o progresso no tempo de esperança de vida que em 30 anos passou dos 53 para os 83 anos, pode, de repente, andar para trás ou criar os mais sérios problemas aos mais velhos de boa saúde mas tão frágeis como as crianças, só porque há surpresas inesperadas das “Monsanto” e dos trangénicos, e outras substâncias não apenas nos medicamentos mais modernos, mas também na roupa que vestimos e usamos em casa,nos alimentos, mobiliário (vernizes) e mesmo brinquedos, e sei lá que mais que a indústria inventa e invade sem pudor

    Gostar

  3. Maria Celeste Ramos
    18 de Março de 2012

    Esquecí-me de dizer, que há dias vi um documentário idêntico ao do “bag it” sobre as componentes de certas tintas (e roupa de vestir xinesa) como o AZUL dos barcos da Ria de Aveiro, ois que, se bam me lembro, esse azul contém “chumbo” o que é altamente danoso para a saúde (que o digam os meninos da àsia que brincam nos lixos que o Ocidente exporta para àsia) e sendo ainda que, é sabido, que os materiais de cobertura de telhados, como o fibro-cimento, têm algo (??) cancerígeno (amianto), bem como os painéis dos ateliers de arquitectura, que usei e era extremante útil e prático para pendurar “tudo” e que parece que já se deixou de comercializar. A indústria e a bioquímica e tantos avanços científicos feitos no fim do séc XX e que avançam velozmente, trouxeram, a par do conforto e maior variabilidade de escolha e de alternativas, os mais graves e silenciosos problemas e danos para a vida em geral – e as alcatifas também, está bem de ver (e vi já há bastantes anos) programa sobre as componentes químicas ligadas à cor e tal que em França deu um grande problema que foi denunciada em Grande Cimeira de Industriais, com Giscard D’Estang muito vaiado em plena cimeira e artigos em Revista – não recordo qual – e a pessoa que gritou na Cimeira é claro que foi levada para fora da sala – jornalista claro

    Gostar

  4. Maria Celeste Ramos
    18 de Março de 2012

    SIC-05:00 – 18 março 2012-programa com entrevista a general dos USA e da CIA que não quer falar sobre “ataque cibernético” e complicação de centrais de enriquecimento de urãnio e “guerra USA-Irão” – ciber atacck contra estruturas – pelo que se pretende lei em ciber-segurança – problemas de “virus” – fim 05:20H – segue reportagem sobre abusos da Igreja e padres predadores e recusa da Igreja- não quero sequer ouvir o arcebisto Martin irlandês

    Gostar

  5. Pingback: Temos que salvar a Terra e ter mais saúde quando formos velhotes | A Arte da Omissao

  6. Pingback: 10 estudos científicos que provam que os OGM podem ser prejudiciais para a saúde humana | A Arte da Omissao

  7. vapera
    15 de Setembro de 2017

    Caro urantiapt, ouso supor que inclusive a fecoatividade (afeto sexual com orifício esgoto do corpo) é também estimulada de estrago feito pelos teraftalatos!

    Afinal a aceitação da fecoatividade já é distúrbio endócrino sério, distúrbio tal que gera a extinção da espécie caso as mulheres não sejam moldadas e catequisadas para aceitar inclusive gestar filhotes de fecoativistas, pois de outra forma nenhuma fêmea se deixa tocar por um fecalista (o mesmo que fecoativista), pois isso é o mesmo que escolher o macho mais lixo possível (bem mais degenerados e abaixo dos machos ômegas) em detrimento do macho alfa.

    Isso pódemos chamar de genoengenharia, a engenharia trasngênica de destruição da humanidade para o surgimento da espécie umana, seres claocados e afeiçoados ao excremento.
    Próxima etapa: garantir que todos aceitarão inclusive comer o tal excremento e assim a autoreciclagem será total e todos os recursos natuirais do planeta poderão ser desviados para a produção de um mundo de plástico, sintético, orgânico, mas morto!

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Information

This entry was posted on 17 de Março de 2012 by in Pásticos, Planeta Terra, Saúde and tagged , , , , , , .

Navegação

Categorias

Faça perguntas aos membros do Parlamento Europeu sobre o acordo de comércio livre, planeado entre a UE e o Canadá (CETA). Vamos remover o secretismo em relação ao CETA e trazer a discussão para a esfera pública!

%d bloggers like this: