A Arte da Omissao

A história dos Rothschild – Parte 2

Continuação da linha do tempo:

1784: Adam Weishaupt emite a sua ordem de início da revolução francesa a Maximilien de Robespierre, em forma de livro. Este livro foi escrito por um dos sócios de Weishaupt, Xavier Zwack e enviado por correio para Paris, mas quando ia a caminho, o correio foi atingido por um raio e o livro que detalhava esse plano foi descoberto pela polícia e entregue às autoridades da Baviera.

Como consequência, o governo bávaro ordenou à polícia o ataque às lojas maçónicas do Grande Oriente e às casas dos associados mais influentes de Weishaupt. Claramente, as autoridades da Baviera estavam convencidas de que o livro descoberto era uma ameaça real de um grupo privado de pessoas influentes, para fomentarem guerras e revoluções a fim de atingirem os seus fins políticos. (e não se enganaram!)

1785: O governo da Baviera bane os Illuminati e fecha todas as lojas maçónicas do Grande Oriente, na Baviera.

Mayer Amschel Rothschild move a sua casa de família para uma de cinco andares em Frankfurt e partilha-a com a família Schiff.

1786: O governo bávaro publica os detalhes da trama Illuminati num documento intitulado, “Os escritos originais da ordem e seita Illuminati”. Depois enviaram-no para os chefes da Igreja e Estados de toda a Europa, mas infelizmente o seu aviso será ignorado.

1788: Nasce Kalmann (Carl) Mayer Rothschild 

1789: Devido à atitude Europeia em ignorar o aviso do governo da Baviera, o plano Illuminati para uma revolução francesa teve êxito a partir deste ano até 1793. Esta revolução que era o sonho dos banqueiros, estabeleceu-se uma nova Constituição, aprovaram-se leis que proibiram a Igreja romana de aplicar dízimos (impostos) e esta perdeu a sua isenção de impostos.

1790: Mayer Amschel Rothschild afirma: “Deixe-me emitir e controlar o dinheiro de uma nação que nem quero saber quem faz as leis.”

1791: Os Rothschilds obtêm o “controle do dinheiro da nação,” através de Alexander Hamilton (seu agente no gabinete de George Washington), ao montaram um banco central nos EUA chamado de “First Bank of the United States /  primeiro banco dos Estados Unidos”. 

1792: Jacob (James) Mayer Rothschild nasce.

1796: Amschel Mayer Rothschild (1º filho de Mayer Amschel Rothschild), casa com Eva Hanau.

1798: John Robison publica um livro intitulado, “Proofs of a Conspiracy Against All the Religions and Governments of Europe Carried on in the Secret Meetings of Freemasons, Illuminati and Reading Societies / Provas de conspiração contra todas as religiões e governos da Europa, levada a cabo em reuniões secretas de maçons, Illuminati e sociedades de leituras”.

Neste livro, o Professor Robison da Universidade de Edimburgo, um dos espíritos líderes do seu tempo e que em 1783 foi eleito secretário-geral da Sociedade Real de Edimburgo, apresenta com detalhe todo o enredo Rothschild Illuminati. (Quem diria que já em 1798 havia crentes das teorias de conspiração!)

Ele relatou como foi maçom de alto grau no Scottish Rite of Freemasonry e como foi convidado por Adam Weishaupt à Europa, onde ele tinha entregue uma cópia revisada da conspiração de Weishaupt. O Professor Robison embora fingisse seguir avante com o plano, não concordava com ele e, por conseguinte, publicou o livro acima mencionado. O livro inclui detalhes da investigação do governo da Baviera aos Illuminati e à Revolução francesa.

No mesmo ano, a 19 de Julho, David Pappen, Presidente da Universidade de Harvard, deu várias palestras sobre a influencia do Iluminismo na política e religião americana. Aos 21 anos de idade, Nathan Mayer Rothschild (filho de  Mayer Amschel Rothschild), deixa Frankfurt e parte para a Inglaterra, onde com uma grande soma de dinheiro dada por seu pai, monta uma casa bancária em Londres.

 1800: Salomon Mayer Rothschild (filho de Mayer Amschel Rothschild) casa com Caroline Stern.

1806: Napoleão afirma que é seu o “objecto para remover a casa de Hess-Cassel da regência e retirá-la da lista dos poderosos.”

Ao saber disto, o Príncipe Guilherme IX de Hesse-Hanau, foge da Alemanha, vai à Dinamarca e por questões de segurança, confia a sua fortuna avaliada em US $3.000.000 a Mayer Amschel Rothschild.

Nathan Mayer Rothschild casa com Hannah Barent Cohen,  filha de um rico comerciante de Londres.

1808: Nathan Mayer Rothschild (filho de Mayer Amschel Rothschild) tem o seu primeiro filho, Lionel Nathan de Rothschild.

1810: Sir Francis Baring e Abraham Goldsmid morrem, tornando Nathan Mayer Rothschild o banqueiro principal da Inglaterra.

Salomon Mayer Rothschild (filho de Mayer Amschel Rothschild ) vai para Vienna de  Austria e monta o banco ” M. Von Rothschild und Söhne”.

Fonte:  http://www.rense.com/general88/hist.htm

A história dos Rothschild – Parte 3

A história dos Rothschild – Parte 1 

Realces de frases desta cor são da minha responsabilidade

Advertisements

17 comments on “A história dos Rothschild – Parte 2

  1. Pingback: A história dos Rothschild – Parte 1 « A Arte da Omissao

  2. Pingback: A história dos Rothschild – Parte 3 « A Arte da Omissao

  3. Pingback: A história dos Rothschild – Parte 4 « A Arte da Omissao

  4. Pingback: A história dos Rothschild – Parte 5 « A Arte da Omissao

  5. Pingback: A história dos Rothschild – Parte 6 « A Arte da Omissao

  6. Pingback: A história dos Rothschild – Parte 7 « A Arte da Omissao

  7. Pingback: A história dos Rothschild – Parte 8 « A Arte da Omissao

  8. Pingback: A história dos Rothschild – Parte 9 « A Arte da Omissao

  9. Pingback: A história dos Rothschild – Parte 10 « A Arte da Omissao

  10. Pingback: A história dos Rothschild – Parte 11 « A Arte da Omissao

  11. Pingback: A história dos Rothschild – Parte 12 « A Arte da Omissao

  12. Pingback: A história dos Rothschild – Parte 13 « A Arte da Omissao

  13. Pingback: A história dos Rothschild – Parte 14 « A Arte da Omissao

  14. Pingback: A história dos Rothschild – Parte 15 « A Arte da Omissao

  15. Pingback: A história dos Rothschild – Parte 10 | A Arte da Omissao

  16. Pingback: A história dos Rothschild – Parte 14 | A Arte da Omissao

  17. Pingback: A história dos Rothschild – Parte 15 | A Arte da Omissao

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Categorias

Faça perguntas aos membros do Parlamento Europeu sobre o acordo de comércio livre, planeado entre a UE e o Canadá (CETA). Vamos remover o secretismo em relação ao CETA e trazer a discussão para a esfera pública!

%d bloggers like this: