A Arte da Omissao

The Tiger & The Brahmin

images (1)

Na India, todos têm um dever. Um brâmane – homem sábio, estudioso e santo – tem o dever de usar o seu conhecimento para ajudar os aldeões. Um dia, o brâmane traz para a aldeia um tigre preso numa jaula. O tigre promete-lhe que, se o libertar, não o comerá. Concordando, o brâmane abre a gaiola e o tigre  lança-se sobre ele e promete comê-lo de qualquer maneira.

O brâmane implora por misericórdia e o tigre dá-lhe uma oportunidade: o brâmane deve perguntar às três primeiras criaturas que encontrar se o tigre o deve comer. Por fim, o animal avisa-o que terá de ser cumprir o que for decidido pelas 3 criaturas.

A primeira criatura que encontrou foi um elefante preso com algemas. Este foi indiferente à história do brâmane e diz-lhe para se submeter ao destino. De seguida, o brâmane sobe a uma figueira  que o aconselha a ser comido, pois o mundo é um lugar cruel. A terceira criatura que ele encontra é um búfalo de água, cujo ponto de vista é que as mandíbulas do tigre são a única gratidão que o brâmane deve esperar. Resignado a ser comido, o brâmane volta para o tigre. No caminho de regresso, conhece um chacal que não consegue entender a sua situação  e decide então acompanhá-lo para entender melhor os factos…..

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Information

This entry was posted on 29 de Dezembro de 2012 by in vídeos and tagged , , .

Navegação

Categorias

Faça perguntas aos membros do Parlamento Europeu sobre o acordo de comércio livre, planeado entre a UE e o Canadá (CETA). Vamos remover o secretismo em relação ao CETA e trazer a discussão para a esfera pública!

%d bloggers like this: