A Arte da Omissao

Será?

agua_valiosaSerá que o acordo do Chipre, pode ser mais um empurrão para o colapso do sistema bancário baseado em reservas fracionárias que começou com a implosão do sector de poupança e empréstimos nos EUA em finais de 1980?

O desdobramento deste sistema tornou-se bem visível até mesmo para o depositante médio durante a crise financeira de 2008, quando os bancos tóxicos funcionavam sobre  algumas das maiores e vulneráveis instituições financeiras do mundo. O colapso final só foi evitado pelo resgate de multi-triliões de dólares aos bancos americanos e estrangeiros pela Reserva Federal.

Será que os recentes acontecimentos do Chipre podem ter dado o golpe mortal sobre este sistema, o qual só conseguirá existir enquanto os depositantes tiverem total confiança nos bancos que, independentemente das dificuldades financeiras que recaiam sobre ele,  serão sempre capazes  de  levantar os seus depósitos? O sistema de reservas fracionárias foi percebido 100%  pelos depositantes, pois eles  agem como se o dinheiro estivesse  sempre no banco, graças à capacidade dos bancos centrais em criar dinheiro a partir do nada. 

Infelizmente as diversas crises que envolveram este sistema desde 1980 só reforçou essa crença dos depositantes, porque os bancos problemáticos e instituições de poupança sempre foram socorridos, em especial o maior e menos estável.  

Active as legendas em Português

####################

Os bancos ao criarem dinheiro com uma varinha mágica,  aumentam a oferta de moeda dos países. Esta disponibilidade permanente de oferta de dinheiro para adquirir bens origina um maior nível de preços, causa principal da inflação.

Sendo a quantidade mantida em reserva pelos bancos tão pequena comparada com a que pode ser emprestada, o efeito é uma expansão artificial da oferta de dinheiro. Hoje, a maioria do dinheiro em circulação ou é crédito ou dinheiro originado em transações de dívida, o qual só existe apenas associado à uma conta, numa base de dados informática.

Anúncios

2 comments on “Será?

  1. menvp
    30 de Março de 2013

    A FIRMEZA DO CONTRIBUINTE ALEMÃO (não cedendo à pressão vinda da imprensa – marioneta da superclasse) É FUNDAMENTAL PARA SALVAR A EUROPA
    .
    .
    -> Depois de andar a ‘cavar-buracos’ um pouco por todo o lado (nas finanças públicas, na banca)… a superclasse (alta finança – capital global) quer pôr o contribuinte a tapar os buracos por si cavados!
    -> Depois de ‘cozinhar’ o caos… a superclasse aparece com um discurso, de certa forma, já esperado!… Exemplo: veja-se a conversa do mega-financeiro George Soros: «é preciso um Ministério das Finanças europeu, com poder para decretar impostos e para emitir dívida».
    .
    -> O discurso anti-austeridade que circula por aí… pressupõe a existência de alguém que vai pagar/suportar o deficit… e já existe um alvo escolhido: o contribuinte alemão.
    .
    -> O discurso anti-alemão que reina nos media internacionais (nota: são controlados pela superclasse) é uma consequência óbvia: depois de ‘cavar-buracos’ e saquear contribuintes em vários países… a superclasse quer saquear o contribuinte alemão.
    -> A firmeza do contribuinte alemão (não cedendo à pressão vinda da imprensa – marioneta da superclasse) é fundamental para salvar a Europa.
    .
    Uma nota: contrariando os interesses da superclasse, deve existir uma Banca pública forte… por motivos óbvios: É MUITO MAIS FÁCIL DE CONTROLAR um ou outro abuso de um gestor público… do que… os buracos (sem fim à vista) ‘cavados’ pela alta-finança (capital global).

    Gostar

  2. Chatice
    1 de Abril de 2013

    A FIRMEZA DA 2ª EMENDA AMERICANA É FUNDAMENTAL PARA SALVAR O MUNDO

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Categorias

%d bloggers like this: