A Arte da Omissao

Novos desenvolvimentos sobre o relatório da tortura levada a cabo pela CIA

arton186306-1cb75

| 26 de Dezembro 2014

Nota: links dentro de «» e realces desta cor são da minha responsabilidade

O relatório da Comissão do Senado sobre a pratica de tortura pela CIA entre 2001 e final de 2009 continua a suscitar reacções.

«Glenn Greenwald» (The Intercept) foi capaz de identificar o agente da CIA e que dirigia a celula de investigação sobre Oussama Ben Laden, Alec Station) e que executou o programa de tortura da CIA [1]. O nome dela é Alfreda Frances Bikowsky. É considerada tanto como um dos especialistas topo sobre a al-Qaeda, como a que cometeu erros sucessivos na sua cruzada contra a organização islamita. Pergunta-se: Como pode alguém ter em  simultâneo estas duas facetas? A menos que, é claro, se suponha que a sua função real não seria a de combater os jihadistas, mas sim, de os organizar e manipular, a fim de servir os interesses dos EUA.

O coronel Lawrence Wilkerson, que foi chefe de gabinete do secretário de Estado, Colin Powell entre 2002 e 2005, acusou a CIA de ter operado este programa baseado na tortura condicionada, para fabricar as provas que justificaram entrar em guerra contra o Iraque [2]. (fonte)

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Informação

This entry was posted on 28 de Dezembro de 2014 by in Afinal Quem é Terrorista?, Relatorio sobre a tortura, USA and tagged , , , .

Navegação

Categorias

%d bloggers like this: