A Arte da Omissao

PRESS LEAKS MADE IN GERMANY – OS JORNAIS NÃO GOSTAM QUE SE SAIBA SOBRE OS SEUS PRÓPRIOS SEGREDOS – por SYLVIA BOURDON

“Imprensa mentirosa…”

A Viagem dos Argonautas

europe_pol_1993Selecção e tradução por Júlio Marques Mota

Alemanha 220px-De-map

 Press leaks made in Germany

Os jornais não gostam que se saiba nada sobre os seus próprios segredos

Causeur_svg

Sylvia Bourdon, Press leaks made in Germany – Les journaux n’aiment pas qu’on déballe leurs propres secrets

Revista Causeur.fr, 19 de Março de 2015

osjornaisnão gostam..

Após Julian Assange, Edward Snowden para “os leaks” políticos mundiais, Swissleaks de Hervé Falciani sobre o HSBC, temos hoje um enorme “pressleaks” na Alemanha, na  pessoa do Dr. Udo Ulfkotte, 53 anos, que colaborou durante dezoito anos no mais prestigiado diário alemão, o FAZ (Frankfurter Allgemeine Zeitung), até ser o chefe de redacção.  Ulfkotte foi igualmente conselheiro  do Chanceler Kohl. Em 2003, é distinguido com o prémio  da Fundação Annette Barthelt.

Num testemunho, Gekaufte Journalisten (Jornalistas comprados), revela os nomes dos seus colegas mais famosos na Alemanha, instrumentalizados pelos serviços de informações americanos e alemães. Ulfkotte considera que a…

View original post mais 786 palavras

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Information

This entry was posted on 2 de Abril de 2015 by in Manipulação.

Navegação

Categorias

Faça perguntas aos membros do Parlamento Europeu sobre o acordo de comércio livre, planeado entre a UE e o Canadá (CETA). Vamos remover o secretismo em relação ao CETA e trazer a discussão para a esfera pública!

%d bloggers like this: