A Arte da Omissao

o inevitável desmoronar da desunião Europeia

Nesta semana assistimos mais um vez,  ao desmoronar do projecto da União Europeia,  que devido às várias velocidades que se permite andar, finalmente mostrou aos cidadãos que afinal Portugal é membro de uma desunião Europeia.

Alguns objectivos desse projecto

  • Um espaço de liberdade, de segurança e de justiça sem fronteiras internas .
  • Um mercado interno em que a concorrência é livre e não falseada.
  • O desenvolvimento sustentável da Europa, assente num crescimento económico equilibrado e na estabilidade dos preços, numa economia social de mercado, altamente competitiva, que tenha como meta o pleno emprego e o progresso social e num elevado nível de protecção e de melhoria da qualidade do ambiente.
  • A promoção do progresso científico e técnico.
  • O combate contra a exclusão social e as discriminações, a promoção da justiça e da protecção sociais, a igualdade entre mulheres e homens, a solidariedade entre as gerações e a protecção dos direitos das crianças.
  • A promoção da coesão económica, social e territorial, e a solidariedade entre os Estados-Membros. (fonte)

Que falácia. Tão lindo que é no papel.

Eis como o primeiro-ministro inglês, escreveu no Twitter antes de regressar a Londres e depois de ter “violado” Bruxelas a sangue frio, (pensando melhor não é violação, porque Bruxelas até gostou)

A Inglaterra conseguiu alcançar um estatuto especial dentro da União Europeia e era isso que nós queríamos”.

Bravo.

Enquanto nos distraem com estas manobras a juntar a outras que decorrem no tabuleiro de xadrez global, a crise financeira GLOBAL que se aproxima pouco ou nada é falada. A grande maioria da sociedade civil desconhece a grande crise que vem a caminho  e que irá fazer com que o saldo d0s 66 que detêm a riqueza deste mundo aumente exponencialmente.

A União Europeia é a maior fraude dos tempos modernos. Até acredito que tenha sido criada para gerar alguma paz entre os países mais industrializados e evitar uma 3ª guerra mundial. Mas lamentavelmente, o polvo de nome PODER,  estava infiltrado na base do projecto. No início movimentou-se com alguma discrição, mas quando os seus tentáculos ficaram firmemente presos às rochas,  deixou de se preocupar e à frente de todos, converteu uma União numa desunião, que é o seu objectivo. Estão só à espera que nós, perante o caos que se aproxima, lhe solicitemos ajuda. E depois, salve-se quem puder.

David Cameron levou a melhor e regressou a Londres como um herói

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Information

This entry was posted on 21 de Fevereiro de 2016 by in A guerra na Europa, Europa, GEOPOLÍTICA MUNDIAL and tagged .

Navegação

Categorias

Faça perguntas aos membros do Parlamento Europeu sobre o acordo de comércio livre, planeado entre a UE e o Canadá (CETA). Vamos remover o secretismo em relação ao CETA e trazer a discussão para a esfera pública!

%d bloggers like this: