A Arte da Omissao

Uma solução melhor que o muro de Trump

Uma solução melhor que o muro de Trump,  de Ron Paul30/Jan/2017

Segundo Ron Paul, existem várias razões pelas quais a solução proposta de Trump para a construção do muro ao longo de toda a extensão da fronteira EUA-México, não conduzirá a lado nenhum, nem resolverá os problemas da emigração ilegal, do contrabando de drogas e da ameaça terrorista.

Há cerca de dez anos, Texas começou a construir uma cerca ao longo da fronteira, que dividiu as pessoas nas suas próprias propriedades, privou as pessoas das suas terras através do uso de domínio eminente, mas questão do tráfico de drogas e humanos não foi resolvido.

Custo financeiro do muro

Os custos da construção do muro estão estimados entre 12 e 15 bilhões de dólares, mas para Paul, os custos serão maiores. Perante o cenário do governo mexicano não pagar o muro e Trump impor um imposto de 20 por cento sobre os produtos importados do México, será o consumidor americano que o pagará, tendo em conta que os custos ultrapassem o previsto, o que agravará mais a pobreza.

Causas dos problemas das fronteiras ilegais nos Estados Unidos

» O íman da prosperidade que atrai tantos a atravessar a fronteira ilegalmente

Os vários programas financiados pelos contribuintes e que beneficiam imigrantes ilegais nos Estados Unidos, como transferências financeiras directas, benefícios médicos, assistência alimentar e educação, custam cerca de US $ 100 bilhões por ano, uma carga significativa para os cidadãos e residentes legais. A promessa para quem cruze a fronteira ilegalmente, de que terá dinheiro livre, comida gratuita, educação gratuita e assistência médica gratuita, são poderosos incentivos para que elas ocorram.

» A guerra de 25 anos no Médio Oriente e a consequente ameaça terrorista

A ameaça de que terroristas possam entrar nos Estados Unidos vindos do México deve ser levada a sério, mas para Paul, é necessário considerar seriamente o porquê deles quererem fazer mal aos norte-americanos. Acabar com as intervenções bélicas sem sentido ajudará a remover o incentivo para atacarem os Estados Unidos.

Desde 1990 que os EUA lançam bombas no Oriente Médio. Só em 2016, o presidente Obama deixou cair mais de 26.000 bombas. Milhares de civis foram mortos em ataques com drones norte americanos. O grande plano dos EUA em “refazer” o Oriente Médio só produziu miséria, derramamento de sangue e terrorismo.

» A guerra contra as drogas que incentiva os contrabandistas a atravessar a fronteira.

A guerra que leva já 40 anos e com grandes custos contra as drogas, não produziu nenhum benefício para o povo americano. Estima-se que desde que o presidente Nixon declarou a guerra contra as drogas, os EUA gastaram mais de um trilião de dólares para as combater, mas acabou por ser uma guerra perdida. Assim como existe o íman da prosperidade, existe também um enorme incentivo para o contrabando de drogas dentro dos Estados Unidos.

É conhecido o efeito que o fim da guerra contra as drogas tem sobre o contrabando ilegal; quanto mais a maconha era descriminalizada para usos médicos e recreativos, decaia o seu contrabando do México para os EUA. Cerca de 50% a partir de 2010.

Para Paul, a remoção do íman da prosperidade, o fim das guerras no Médio Oriente e contra as drogas, podem substituir o muro.

 

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Information

This entry was posted on 30 de Janeiro de 2017 by in México, USA and tagged , .

Navegação

Categorias

Faça perguntas aos membros do Parlamento Europeu sobre o acordo de comércio livre, planeado entre a UE e o Canadá (CETA). Vamos remover o secretismo em relação ao CETA e trazer a discussão para a esfera pública!

%d bloggers like this: