A Arte da Omissao

A Parábola dos Figos

Jeremias, o alemão, com dois metros de altura, apanhava figos na copa das figueiras, a meia altura e no topo das árvores.

Pepe, o espanhol, com um metro e setenta e cinco de altura, apanhava figos na copa das figueiras e a meia altura das árvores.

Arquimedes, o grego, com um metro e cinquenta de altura, apanhava figos tão só na copa das árvores.

Jeremias, o alemão, sabendo que os seus amigos não chegavam ao topo das árvores, apanhava o máximo de figos possível na copa e a meia altura destas, deixando para depois os figos que se encontravam no topo das árvores. (mais aqui)

Anúncios

One comment on “A Parábola dos Figos

  1. Rafael
    3 de Março de 2017

    Fantástico este texto!

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Informação

This entry was posted on 25 de Fevereiro de 2017 by in austeridade, corrupção, União Europeia, zona euro and tagged .

Navegação

Categorias

%d bloggers like this: