A Arte da Omissao

ACORDEM

O caso Skripal e as dúvidas que ainda subsistem — A Estátua de Sal

(Por Major-General Carlos Branco, in Expresso Diário, 01/04/2018) Encontramo-nos numa estrada perigosa. Assistimos a algo que se assemelha ao início de uma guerra. As guerras, leia-se os confrontos militares generalizados, são sempre precedidos por uma escalada que passa pela subida de tom na retórica, a demonização do oponente, o reforço dos dispositivos militares e a conquista da opinião pública para apoiar ações mais assertivas contra o oponente.

via O caso Skripal e as dúvidas que ainda subsistem — A Estátua de Sal

Outra caixa de pandora que foi aberta com a conivência da Europa e meios de comunicação em geral. Desencadeia-se uma grave crise a nível mundial, porque a UK resolveu acusar a Rússia sem sentir necessidade de apresentar provas, e os países que a apoiaram seguiram a mesma linha. Cuidado, andamos a brincar com o fogo.

Artigos relacionados: UK: Moscovo confronta Londres com 14 questões sobre o  “fabricado” caso  Skripal

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Informação

This entry was posted on 1 de Abril de 2018 by in Europa, Inglaterra, Russia and tagged .

Navegação

Categorias

Follow A Arte da Omissao on WordPress.com
%d bloggers like this: